11 de jun de 2015

Violência no ambiente escolar é debatida em encontro promovido pelo Conselho Tutelar


E S T R E L A 
A violência no ambiente escolar foi o tema de encontro promovido pelo Conselho Tutelar de Estrela nesta tarde (11.06), na Câmara de Vereadores. Com a presença de representantes de escolas de todas as redes de ensino e instituições que atuam com crianças e adolescentes, foram tratados temas como indisciplina, ato infracional, danos ao patrimônio público e relação da escola e pais. Conforme a presidente do Conselho Tutelar, Elisângela Mendes, o objetivo da iniciativa foi fortalecer as escolas e orientá-las em relação às demandas que ocorrem.

A abertura foi feita pela juíza da Infância e Juventude, Caren Letícia Pereira. Um dos palestrantes, o comandante do 40° Batalhão da Brigada Militar, major Marcelo Abreu Fernandes, apresentou números dos atos infracionais cometidos por crianças e adolescentes nos últimos dois anos e meio no ambiente escolar. Conforme o comandante, foram feitos somente cinco registros, mas sabe-se que o número é maior. Ele frisou que é necessário tomar atitudes quando houver uma ocorrência porque, se nada for feito, a tendência é de que o problema aumente.  “É preciso dar o encaminhamento necessário”, aconselhou.

Já a promotora de Justiça Andrea Almeida Barros , que também falou aos presentes, enfatizou os conceitos de indisciplina e ato infracional. No caso de indisciplina, trata-se do desrespeito às regras da escola, e providências administrativas devem ser tomadas. O ato infracional, explicou a promotora, é a conduta prevista em lei, praticada por crianças e adolescentes entre 12 e 18 anos incompletos. Para cada caso e situação, segundo ela, há um tipo de encaminhamento.  Na ocasião houve ainda palestra com o médico Rafael Moreno, que é especialista em psiquiatria e formado em terapia cognitiva comportamental na infância e na adolescência.

 O evento foi promovido pelo Conselho Tutelar, com apoio do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (Comdica), do Governo Municipal de Estrela, através da Secretaria de Educação; do Governo do Estado e da Câmara de Vereadores.
Texto e foto: Paulo Ricardo Schneider

Nenhum comentário:

Postar um comentário